> Notícias > Delegação de Saúde do Barreiro acha desajustado encerrar turmas
Share |
Enviar a um(a) amigo(a)E-mail      ImprimirImprimir      FavoritosFavoritos      Adicionar comentárioComentários

Delegação de Saúde do Barreiro acha desajustado encerrar turmas


De acordo com Mário Durval, delegado de saúde do Barreiro, a partir de agora, as escolas vão optar por não fechar turmas inteiras, contrariando o que até agora tem sido feito. “O que se constata é que o número de alunos mandados para casa, por precaução, mas sem sintomas de gripe A, é já maior do que o número de alunos, em casa, com efectivas suspeitas de infecção”, refere. Ainda assim, o delegado não “contesta a actuação das escolas, que têm agido de acordo com o plano de contingência”.


Actualmente, o número de alunos infectados com gripe A é de cerca de 150. No passado dia 5 de Novembro, mais cinco turmas do Barreiro foram mandadas para casa, nomeadamente, duas salas do infantário “Os reguilas”, uma sala do jardim de infância nº 5, uma turma do 3º ano da Escola nº5 e uma turma da Escola Secundária de Santo André. Mário Durval refere que “algumas dessas turmas já voltaram à escola”, não sabendo contudo precisar o número. O delegado de saúde chama a atenção “para o facto de muitos desses casos ainda não terem uma confirmação laboratorial”, o que comporta a incerteza sobre se os alunos estão efectivamente infectados com o vírus H1NI ou se apenas apresentam sintomas da gripe sazonal.

 

Um dia depois de terem sido encerradas as cinco turmas, a delegação de saúde do Barreiro promoveu uma conferência de imprensa “com o objectivo de se fazer um ponto de situação”. Segundo Mário Durval, na altura estavam infectadas 229 crianças, o que havia obrigado ao encerramento de quinze turmas. Assim sendo, constata-se uma baixa no número de possíveis casos de infecção com o vírus.


Joana Correia - 11-11-2009 15:51

Share |
Enviar a um(a) amigo(a)E-mail      ImprimirImprimir      FavoritosFavoritos      Adicionar comentárioComentários

Artigos Relacionados...

Delegação de saúde diz que gripe A no Barreiro está “controlada”



Veja também...

Administração e trabalhadores da Autoeuropa chegam a pré-acordo

Enfermeiros contra imposições do Garcia de Orta

ETAR de Alvalade aumenta qualidade de vida da população

JS quer aumento de carreiras nas áreas rurais do Montijo

Associação de Santo André repara escola Padre António Macedo