> Notícias > Festival internacional de papagaios vai animar Alcochete
Share |
Enviar a um(a) amigo(a)E-mail      ImprimirImprimir      FavoritosFavoritos      Adicionar comentárioComentários

Festival internacional de papagaios vai animar Alcochete


O limite é o céu e a imaginação dos amantes dos papagaios. Não há cores nem formas proibidas. Exige-se perícia e imaginação, força nos braços. E vento. De dia e de noite, na versão iluminada. Chegam de Portugal e de vários países da Europa. O Festival Internacional de Papagaios de Alcochete (FIPA) está de volta à praia dos Moinhos nos próximos dias 29 e 30 de Junho e 1 de Julho, numa iniciativa que promete ser um festival de cor e animação, aberta aos participantes profissionais, mas também à população em geral, pois como refere Paulo Machado, vereador da Cultura da Câmara Municipal de Alcochete, "lançando papagaios, todos serão mais felizes".


Este ano, o FIPA vai centrar-se na praia dos Moinhos – palco, actualmente, de várias obras que, no futuro, vão tornar a área mais aprazível para quem aí se deslocar –, onde, segundo Carlos Soares, da Gilpapagaios, vai estar presente “o maior número de equipas de sempre”. A novidade é a participação de várias equipas de topo europeias, prova que “o festival atingiu a maturidade”, uma vez que são os próprios participantes, responsáveis também pelo fabrico dos papagaios que fazem evoluir nos céus, que “pedem para vir”.

 

Paulo Machado destaca o facto do festival contribuir para cumprir um desiderato da autarquia e do movimento associativo local, pois ao animar o espaço da praia está a dar “uma resposta a um conjunto de necessidades da população”, nomeadamente no que se refere à relação directa com o ambiente e a prática de actividades ao ar livre, o que ajuda ao desenvolvimento dos índices da qualidade de vida da população. E o lançamento de papagaios é um forte incentivo para se atingir esse objectivo, pois “faz parte do imaginário que envolve as famílias”.

 

O FIPA contribui, ainda, para a divulgação da prática de desportos náuticos e eólicos não poluentes, que a autarquia alcochetana pretende desenvolver. Desta forma, e no âmbito da requalificação da zona ribeirinha do concelho, está prevista a construção na zona da praia dos Moinhos, adianta o vereador, de um “espaço para apoio directo às actividades eólicas”, onde os praticantes de kitesurf e os adeptos dos papagaios poderão deixar os seus equipamentos e materiais, bem como proceder aí à sua manutenção.

 

Entre as actividades previstas no programa, Carlos Soares destaca uma exposição de papagaios pintados por artistas espanhóis, alguns de renome mundial, bem como a exibição das equipas participantes no festival e o espectáculo nocturno com papagaios luminosos e um espectáculo nocturno de kitesurf. Mas as actividades previstas são muitas, caso de um espectáculo de fado para assinalar a recepção aos participantes no festival, e o melhor mesmo é uma visita ao FIPA, onde há muitas surpresas para os mais novos.

 

A organização do FIPA volta, e mais uma vez, a demonstrar o seu espírito solidário e vai apoiar duas instituições de solidariedade social, casos da Raríssimas e da delegação de Setúbal da Associação Portuguesa para as Perturbações do Desenvolvimento e Autismo. Facto que Paulo Machado realçou, pois permite a participação no festival de “todo o tipo de crianças, que podem fabricar e lançar papagaios”. Uma ideia que “é estimulante” para todos os mais novos, e também os mais velhos, e que acaba por fazer do festival “um espaço de reconhecimento das diferenças”.

 

No final, o vereador da Cultura da Câmara Municipal de Alcochete lançou um desafio à Gilpapagaios: “Gostaríamos que Alcochete pudesse avançar com uma ideia semelhante à da equipa de papagaios espanhola e pedir aos artistas locais para pintarem papagaios”.


Paulo Morais - 20-06-2007 17:19

Share |
Enviar a um(a) amigo(a)E-mail      ImprimirImprimir      FavoritosFavoritos      Adicionar comentárioComentários

Artigos Relacionados...

Lucros do festival de papagaios vão reverter a favor de uma IPSS

Festival de Papagaios anima Alcochete



Veja também...

Administração e trabalhadores da Autoeuropa chegam a pré-acordo

Enfermeiros contra imposições do Garcia de Orta

ETAR de Alvalade aumenta qualidade de vida da população

JS quer aumento de carreiras nas áreas rurais do Montijo

Associação de Santo André repara escola Padre António Macedo