[ Edição Nº 89]

0
Rate this post

Edição Nº 8913/09/1999
Eleições legislativas
rfernandes1-5800651 Rosado Fernandes, cabeça de lista do Partido Popular pelo distrito de Setúbal, em entrevista ao “Setúbal na Rede”, apresenta argumentos com vista às próximas eleições legislativas:
Se não abrirem os olhos pior será para Setúbal porque para mim não faz diferença nenhuma, não é disto que eu vivo.” 
risca-4211397

População do distrito reuniu-se em manifestação por Timor Loro Sae.
Vigília por Timor marca início de greves de fome solidárias.
Câmaras do distrito preparadas para reconstruir Timor Loro Sae.

Bibliotecas sensibilizam opinião pública para a situação em Timor.

Quercus mobiliza associações congéneres de todo o mundo
para a questão de Timor.
Rádios do distrito juntaram-se ao silêncio por Timor Loro Sae.

risca-4211397

MEMÓRIAS DA REVOLUÇÃO
25 anos depois
Graças aos ventos de Abril, os trabalhadores da Setenave, como muitos outros, faziam plenários regulares quase por tudo e por nada.
A 16 de Setembro realizou-se mais um desses plenários, onde Teresa Rosa, assistente social na empresa, não podia deixar de marcar presença, e recorda esses momentos 25 anos depois, em entrevista ao “Setúbal na Rede”:
O 25 de Abril também significava viver melhor,
pelo que os trabalhadores partiram para as reivindicações.

risca-4211397

Jaime Pinho, dirigente do PSR, assina uma crónica de opinião sobre Timor e o plano de Tróia:
“A ondulação dos cordões de areia é nivelada, arrasada, subjugada aos imperativos e às regras do betão.” 

Quercus está contra o plano de urbanização de Tróia.
Junta de Freguesia da Anunciada queria contribuir para o plano de reconversão da zona ribeirinha.

risca-4211397

EM VERDADE VOS DIGO… Crónica de opinião assinada por

Mendes Ferreira:

A comunidade, perdão a Comodidade Internacional é outra merda. Ponto final parágrafo.” 

risca-4211397

É COMO DIZ O OUTRO
Espaço de reflexão literária por
Fernando Cameira:
Timor? Onde é que já se
viu apelar ao uso de roupa branca?

Congresso em Grândola sobre planeamento toma posição pelo litoral alentejano.
Produtores florestais desdramatizam praga dos pinheiros no distrito.

risca-4211397