[ Edição Nº 126] – Sucesso pode prolongar Festival do Marisco por mais uma semana.

0
Rate this post

Edição Nº 12629/05/2000

Setúbal ‘adoptou' Festival do Marisco
Câmara vai prolongar por mais uma semana

          A primeira edição do Festival do Marisco, realizado pelo pelouro do Turismo da Câmara Municipal de Setúbal, excedeu todas as expectativas segundo garante a autarquia que está já a equacionar melhoramentos na edição a realizar no próximo ano. Pelos vistos, o festival gastronómico exclusivamente dedicado ao marisco da região parece ter cumprido os objectivos de dar continuidade à divulgação turística das capacidades gastronómicas do concelho, pelo que os participantes já querem prolongar a iniciativa.

Entre os dias 26 e 28 de Maio, a avenida Jaime Rebelo, junto à beira-mar, recebeu “milhares de visitantes”, num certame que foi tão positivo para os comerciantes que “estes querem continuar no próximo fim de semana”. A possibilidade de prolongar este festival foi avançada ao

“Setúbal na Rede” pelo vereador do pelouro do Turismo, Duarte Machado, que apenas quer resolver “uma questão logística” relacionada com a disponibilização das mesas e das cadeiras das esplanadas.

Convencido de que esta questão poderá ser “rapidamente ultrapassada”, Duarte Machado mostra-se receptivo ao prolongamento do certame ao ar livre, com a presença de dez tasquinhas em representação de oito restaurantes do concelho que, durante três dias, “não teve mãos a medir” face à quantidade de visitantes.

Com esta primeira edição do Festival do Marisco a terminar, o vereador prepara já a edição do próximo ano que pretende vir a ser “melhorada” em relação a esta primeira experiência. Uma certeza que o vereador social democrata também já colheu junto do presidente da Câmara, Mata Cáceres, que segundo garante, “face a tanta participação, também está convicto de que o festival veio para ficar”.

A ideia do Festival do Marisco de Setúbal, a que se juntou a componente cultural e lúdica, partiu do gabinete de Duarte Machado “no seguimento de acções como o Festival das

Caldeiradas”. Mas segundo acrescenta, as iniciativas de promoção turística das potencialidades gastronómicas do concelho não váo ficar por aqui, uma vez que para este ano está ainda previsto um festival da sardinha, uma mostra de gastronomia do Sado e uma mostra de queijos, vinhos e doces de Azeitão.

De acordo com Duarte Machado, trata-se de um ‘pacote' de iniciativas com o objectivo de “chamar a atenção do público em geral e dos turistas em particular” para as capacidades do concelho de Setúbal ao nível da gastronomia tradicional, uma vez que este é “um dos mais importantes produtos turísticos da região” e um dos sectores de maior peso na economia do distrito.


[email protected]