[ Dia 21-11-2002 ] – Setúbal tem um novo portal na Internet.

0

Setúbal tem um novo portal na Internet

Foi apresentado ontem o novo portal da cidade de Setúbal. O centrosetubal.com nasceu de uma iniciativa da Confederação CentroLojas e da União dos Comerciantes da Baixa de Setúbal em parceria com a Direcção-Geral do Comércio e Concorrência e o Instituto de Apoio às Pequenas e Médias Empresas. Este é um portal, segundo Carlos Pita, presidente da União de Comerciantes, que “vai contribuir para o bem de todo o comércio e da população de Setúbal em geral”.

Esta nova forma de comunicação pela Internet vem criar uma “forma de aprendizagem para os comerciantes”, afirma José Barbosa, da Confederação CentroLojas. Comerciantes esses, que são considerados por este responsável, como “o suporte da riqueza do interior da cidade”. De acordo com José Barbosa, “o portal vem mostrar o que dia-a-dia acontece na cidade, quer a nível cultural, social ou dos serviços”.

Já Paulo Ribeiro, do Centro de Emprego de Setúbal, defende que “a forma de se responder à crise não pode ser apenas com lamentos” e diz acreditar que este portal “vem trazer dividendos para a baixa de Setúbal e para os comerciantes”. Esta é também, de acordo com José Barbosa, “uma forma de ligar a animação à informação na óptica do comércio tradicional”.

O portal tem como principais objectivos “potenciar investimentos resultantes dos projectos de Urbanismo Comercial e de potenciar os projectos comerciais ao promover os serviços prestados pelos comerciantes”, afirma Mário Frias, da Direcção Geral do Comércio e Concorrência. Este responsável garante ainda que, “organizar um projecto que dinamize o centro da cidade é o caminho a seguir para potenciar tudo o que tem sido feito em prol do comércio”.

No portal centrosetubal.com encontra-se informação sobre as actividades comerciais, de animação, turísticas, de aconselhamento cívico, bem como informação genérica. De acordo com Carlos Pita, este não foi um “trabalho fácil”, mas garante que “é uma mais valia para o comércio da baixa e de toda a cidade de Setúbal”.  seta-4441278