[ Setúbal na Rede ] – Publicidade do Grupo de Teatro O Bando

0
Rate this post

Há mais de dez anos que este conto enigmático de Miguel Torga me persegue. Quando, no ano passado, decido finalmente encená-lo, ainda a eutanásia não estava na ordem do dia. Coincidência? Talvez não. A maneira como se dá o último retoque no quadro da nossa vida passou a ser, cada vez mais, a chave mestra do sentido que cada um encontra para a sua existência. Os pintores sabem que o momento mais importante na execução de uma pintura é o da decisão de acabar no momento certo. Nem antes, quando há ainda algo para esclarecer, nem depois, quando qualquer pincelada a mais não só é desnecessária, como vem enfraquecer o sentido da obra. Assim é com a vida. Pelo menos como raciocínio à distância, porque na realidade nunca sabemos como vamos acabar o quadro no momento da derradeira despedida.

Baseado na obra de Miguel Torga e inspirado no imaginário de Marc Chagall, João Brites cria Alma Grande:

– Um espectáculo de teatro onírico, que procura o contraste entre o lado luminoso e o lado sombrio da vida;

– Um espectáculo de teatro ao ar livre. Uma representação aérea num espaço cénico inédito.
 

Sinopse:

Alma Grande surge a partir de uma lenda… Dizem, que no tempo dos Cristãos Novos, havia uma figura conhecida por acabar com o sofrimento alheio… era o Abafador!

“Ó tio Alma Grande”, chamam… “Lá vai!” e segue viagem. Quando chega ao destino, olha para o relógio. Chegou a hora de abreviar um fim anunciado.

Entretanto, Isaac, gravemente doente na cama, trava uma luta difícil. Duas mulheres cruzam-se com ele, com o intuito de o salvar ou aliviar: Lia, Como a Luz do Dia vs Raquel da Sombra da Noite.

É uma história de amor, ódio e vingança… sobre a vida, a esperança e o inevitável. 

– Ficha Técnica –

Textos: Miguel Torga

O Alma-Grande, in Novos Contos da Montanha (1944) e poemas do mesmo autor:

** ORFEU REBELDE – Câmara Escura; Claro-Escuro; Descida aos Infernos; Ameaça de Morte; Mudez; Desencontro; Ar Livre CÂNTICO DO HOMEM – Confiança; Conquista O OUTRO LIVRO DE JOB – Terceira Lamentação; Livro de Horas DIÁRIO III – Ajuda; Sementeira; Eternidade DIÁRIO IV – Bucólica DIÁRIO V – Invocação; Hora de Amor DIÁRIO VI – Agonia; Calendário DIÁRIO VII – Transe; Contágio DIÁRIO X – Pânico; Agenda; Teatro

 Direcção            
Dramaturgia e Encenação:
João Brites
Assistência de Direcção de Actores: Teresa Lima    
Música Original e Direcção: Jorge Salgueiro
Movimento e Preparação de Actores: Olga Roriz

Elenco               
Actrizes / Cantoras: Filipa Pais e Sara de Castro
Actores: Gonçalo Amorim, Horácio Manuel, Nicolas Brites; e a participação de André Pato e Fátima Santos

Músicos: António Barbosa ou Inês Vieira (violino), António Laertes ou João Vasco (órgão), João Quítalo ou Mário Cabica (clarinete baixo)

Espaço cénico   Concepção: João Brites
Cenografia e Adereços:
Clara Bento
Assistência de Adereços: Isabel Curto
Figurinos: Maria Gonzaga
Execução de Figurinos: Atelier de Maria Gonzaga
Desenho de Luzes: Olga Roriz e Luís Fernandes

 Montagem         
Direcção de Montagem:
Fátima Santos
Equipa de Montagem: Fabrice Robert, Alexandre Sousa, Bruno Guerreiro e João Cachulo
Suspensão: Emanuel Pereira
Desenho e Operação de Som: Sérgio Milhano
Montagem e Operação de Iluminação: Luís Fernandes
Coordenação de Armazém e Oficina: Gaston Castan

Construção       
Concepção de Estrutura Metálica:
Engº Lima Ramos
Execução Serralharia:
Leonel & Bicho Lda.
Execução Carpintaria: Paulo Araújo e Abel Duarte

 Produção          
Produção Executiva:
André Pato
Coordenação Geral de Produção: Natércia Campos
Relações Internacionais: Raul Atalaia
Secretariado: Ana Malafaia
Divulgação: Maria João Sequeira
Tesouraria:
Cristina Sanches
Registo de imagens para arquivo e promoção: Rui Simões
Fotografia: Maria José Pinto
Design Gráfico: Orlando Gaspar e Fátima Buco

* Espectáculo para maiores de 12

TEATRO o bando – Companhia Convencionada – Estrutura financiada pelo MC (Ministério da Cultura) / IPAE (Instituto Português das Artes do Espectáculo)

Apoio da Câmara Municipal de Palmela

COOPERATIVA DE PRODUÇÃO ARTÍSTICA TEATRO DE ANIMAÇÃO O BANDO, CRL

Cooperantes: Adelaide João, Ana Brandão, Antónia Terrinha, Bibi Gomes, Fátima Santos, Fernando Consiglieri, Gonçalo Amorim, Horácio Manuel, João Brites, Jorge Salgueiro, Miguel Moreira, Natércia Campos, Paula Só, Raul Atalaia e Rui Francisco Em cena no mês de Junho, de quinta a domingo às 22:00 horas. Entrada – €12,50 Reformados e Cartão Jovem – 50% Grupos de 10 – €5,00 Reservas: 21 2336850